terça-feira, 22 de maio de 2012

Canto pela Liberdade II

close do focinho de um passarinho que esta preso em uma gaiola e chorando. dentro de sua lagrima aparece uma nota musical.
Fiquei tão feliz com o convite da Lucinha que acabei me inspirando e fazendo mais esta ilustração.
Em minha opinião (e pedido que não foi atendido) este deveria ter sido o exposto, por considerá-lo com mais impacto junto ao tema proposto.

Canto pela Liberdade I


Fiz este desenho atendendo a um convite de minha colega e grande amiga Lúcia Brandão para participar da exposição “Passarinho na gaiola não canta, lamenta” apresentada ao público de Dezembro de 2011 a Fevereiro deste, junto com a 8ª edição do IlustraBrasil, em São Paulo. Ele foi o selecionado.

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Spike Lee


Tenho um carinho todo especial por esta caricatura (e pelo caricaturado, claro!) por diversos motivos. Foi através do trabalho deste Diretor cinematográfico, mais precisamente com filmes como “Mais e melhores blues” e “Malcom X” entre outros que comecei a tomar consciência do lugar que o negro ocupa no mundo.
E por conta desta caricatura que fui chamado para alguns trabalhos na Editora Moderna.

domingo, 20 de maio de 2012

Pablo Picasso


Esta foi uma das primeiras caricaturas vetoriais que fiz sob encomenda. No caso era para a Editora Positivo. Uma pena a matéria ter “caído” na última hora. Mas como gostei do resultado, guardei o desenho.

sábado, 19 de maio de 2012

Walt Disney


Um dos maiores ícones da infância mundial não poderia faltar na minha galeria, né?
Este homem foi um pioneiro que provou ser possível viver – e vencer – com o ofício de desenhista. Fez diversos desenhos animados e bem mais que muitos prêmios e retorno financeiro, conquistou de vez o coração de crianças e adultos de todo o mundo.
Esta caricatura eu fiz para o Salão de Humor da Univates, mas infelizmente não foi selecionada. Ganhei a versão daquele ano com a carica do Lupicínio Rodrigues.

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Ruth Rocha


Esta é uma pequena homenagem a esta grande escritora infantil, que sempre armada de seu imenso sorriso e simpatia, defende a necessidade de um comportamento diferente daqueles pais que não hesitam em dar aos filhos a última versão de qualquer parafernália tecnológica, não importando o quanto custe, mas que são os primeiros a reclamar dos preços dos livros.

Pratinha


Mais um pouco de caricaturas.
Aqui uma pequena lembrança a uma grande figura por quem tenho tanto carinho: meu primo Pratinha!
Seu talento para os palcos está no sangue, herdado pelo pai, nosso querido Grande Othelo!